Doenças Raras

Pais tomam a decisão de amputar pernas de bebê para que ela tenha melhores condições

Pais tomam a decisão de amputar pernas de bebê para que ela tenha melhores condições


Os pais de Freya Gibbs tiveram que tomar uma difícil decisão em relação as pernas da sua bebê. Atualmente com dois anos, a menina nasceu sem os ossos de parte das pernas. Com isso, Freya só poderia mover-se, arrastando-se. E com o tempo seria submetida a diversas dolorosas cirurgias ao longo de sua vida vida. E mesmo diante desses procedimentos,nunca andaria com suas pernas.

Danielle e Michael, pais de Freya, são do País de Gales. Com orientação médica, autorizaram a amputação das pernas da filha ainda bebê. “Amputar as pernas da Freya foi uma decisão horrível de se fazer. Mas ela estava tentando andar pela casa com os joelhos e suas pernas estava no seu caminho, faziam ela cair. Partiu meu coração. O corpo da minha filha estava impedindo ela de se desenvolver, então nós tomamos a terrível decisão de amputar suas pernas”, relatou a mãe Danielle em entrevista ao jornal britânico Mirror.

A cirurgia para amputação das pernas da menina na altura dos joelhos ocorreu há seis meses. E agora a pequena é uma outra criança.

Ela é muito mais feliz, está sempre sorrindo de orelha a orelha”, relatou sua mãe.

A pequena Freya colocou próteses e deu seus primeiros passinhos há pouco tempo. “Na primeira vez que andamos de mãos dadas com nossa filha eu senti como se fosse um milagre e nós estávamos tão orgulhosos dela”, relatou a mãe. A família agora está realizando uma campanha para arrecadar dinheiro para as próximas próteses de Freya. “Conforme ela cresce, as próteses ficam mais caras e por isso precisamos de ajuda”, explicou a mãe.

Outro caso

Contamos a história de outro caso semelhante, hoje, uma menina com a mesma condição que Freya, Dayse provou que a condição não é empecilho para nada e foi destaque da semana de moda em Paris.

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte: Exclusivo 24h

 

 

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar