Quem acompanha as redes sociais do jurado do Masterchef, da TV Band, Henrique Fogaça, pode ver seus posts relacionados a sua filha Olívia.

O caso de Olivia

Olívia, de 12 anos nasceu com uma síndrome rara a qual a família ainda não sabe qual é. Os médicos a denominam o caso dela como epilepsias. Pois há causas e manifestações diferentes para o mesmo problema. Ela é portadora de epilepsia fármaco-resistente, ou seja, que não responde aos remédios.

Fogaça conta que a epilepsia surgiu ainda no início da vida de Olivia. “Descobrimos logo no primeiro mês, quando ela teve que passar um mês internada em observação, que ela era diferente”, relembra. As crises frequentes impactaram o desenvolvimento da menina. “Ela tem hipotonia, que é a fraqueza muscular, e dificuldades de deglutição”, explica o pai.

Há cerca de dois anos, a família passou a usar na alimentação via sonda a dieta cetogênica — uma das armas contra a epilepsia fármaco-resistente, rica em gorduras e pobre em carboidratos. E Olivia, enfim, melhorou bastante.

Quem o acompanha sabe do seu carinho e presença na vida da menina.

No último dia 26, Fogaça utilizou o seu Instagram  para mostrar a filha Olívia, dando os seus primeiros passos, mas uma vitória para Olívia e sua família.

“Boa tarde ….Que emoção, que benção, que felicidade em ver minha Olivia aprendendo a andar. Deus maravilhoso no comando”, escreveu ele em sua legenda, recebendo apoio de seus seguidores.

Veja sua publicação no instagram: Normalmente, Olivia usa a cadeira de rodas adaptada para se locomover.

Mais uma vitória na vida da família. Estamos torcendo para mais vitórias em breve.

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte e imagem: Reprodução Instagram @henrique_fogaca74


Olívia dá seus primeiros passos e emociona seu pai Henrique Fogaça

Post navegação


3 pensamentos “Olívia dá seus primeiros passos e emociona seu pai Henrique Fogaça

  1. Eu posso imaginar a alegria desse pai é dessa mãe. Que Deus os fortaleça para que continuem firmes na fé e no amor por essa pequena grande guerreira.

  2. Sei muito bem o que é ter um filho com esse problema de saúde, meu filho nasceu aparentemente tudo normal com quatro meses de vida descobrimos que ele nunca iria falar, andar e que não chegaria a nove anos de idade, leve engano da medicina meu filho realmente nunca andou e nunca falou mas só desencarnou aos 32 anos e seis meses de vida. Vivemos intensamente com muitas idas e vindas de internamentos em UTI, apartamento, emergência mas foi meu maior presente que Deus pode dar a mim😊 tive 4 filhos ele era o terceiro ano todos eles mas sinto muita falta do meu guerreiro ” BEBEZÃO ” era assim que ele era chamado pela família de os amigos. Sou espírita e graças a Deus por acreditar que existe vida pós morte matéria sempre que possível tenho contato com meu guerreiro, sempre que é possível ele me visita principalmente quando estou em oração, ou muitas vezes quando vou dormir só posso agradecer ao Pai Celestial por essa graça na minha vida.

    1. Obrigada por seu comentário é muito importante para nós. Nossos sentimentos. Temos certeza que hoje ele é uma linda estrelinha no céu. Com certeza você fez um bom trabalho. bjos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *