Sader Issa, um estudante sírio de odontologia, que ama esportes como natação e musculação. Ele é um um rapaz como outro qualquer que gosta de assistir filmes e passar tempo com meus amigos.

Mas seu maior motivo de orgulho é sua família. Principalmente de seu pai, Jad Issa. Seu pai tem síndrome de Down. E fez o possível para que o rapaz sempre tivesse uma vida feliz.

Ele conta que seus pais foram apresentados por meio de suas famílias. Foi amor a primeira vista. Segundo Sader seu pai é tratado com muito amor por todos que o conhecem.

Sader conta que o relacionamento de seus pais é como qualquer outro casal que está junto há décadas. Casados ​​por 23 anos, eles podem discordar às vezes, mas eles tem “uma vida cheia de amor, simplicidade e humildade em todos os aspectos”.

Sader e seus pais quando ele era jovem.

Há mais de 25 anos seu pai trabalha duro em uma fábrica de trigo, seis dias por semana. No inverno, ele é responsável pela venda dos produtos que são produzidos no verão. No verão, ele trabalha em uma máquina que tritura o trigo. A mãe do rapaz é dona de casa. E ele está concentrado nos estudos, no momento.

Sander e seu pai tem um ótimo relacionamento. Ele admira o que o pai fez e faz por ele.” Eu tenho um pai que me ama e me apóia em tudo que faço incondicionalmente“, relata Sader.

Todavia, como uma criança que cresceu com um pai com síndrome de Down, Sader sabe exatamente o quanto são sinceros e amorosos eles podem ser, mas também que eles têm ambição e motivação e merecem uma vida decente e não merecendo ser abortados, como é permitido em alguns países.

Orgulho

Entretanto,Sader se orgulha muito de seu pai, embora muitas pessoas pensassem que o que ele estava tentando fazer era impossível. Ele não ligou, trabalhou duro para ganhar dinheiro para sua família, para que o rapaz pudesse ir à escola e aprender.

Muitas pessoas pensam que uma pessoa com síndrome de Down não é capaz de viver uma vida normal, visto que é incapaz de se casar ou ter filhos, pode ser raro, mas é possível. (há atualmente 3 casos documentados de um homem com síndrome de Down tendo um filho, podem haver muitos casos não documentados).

شعانين مباركة❤وفصح مجيد❤

Posted by Sader Issa on Sunday, April 21, 2019

A maioria dos homens com síndrome de Down não pode ter filhos ou tem uma taxa de fertilidade menor do que a média masculina. Apenas cerca de metade das mulheres com síndrome de Down são capazes de ter filhos.

Quando seu pai o apresenta a alguém novo, Sader diz que ele fica cheio de orgulho. “É como se ele estivesse dizendo:” Eu tenho síndrome de Down. Mas criei meu filho e fiz tudo para ajudá-lo a se tornar um dentista que trata as pessoas. Eu estou orgulhoso dele.’”

A luta

Todavia, por meio do vídeo acima, bem como na mídia social Sader se dedica a compartilhar a verdade sobre a síndrome de Down. Lutar pelo direito à vida para aqueles diagnosticados com a condição antes do nascimento.

Depois de uma história como essa  é muito triste ver a realidade de alguns países em relação a síndrome de Down. Como a Islândia que tem uma taxa de aborto de 100 por cento de bebês com síndrome de Down e os Estados Unidos abortando 67 por cento (ou mais) de crianças pré-natal com a síndrome, portanto é vital que pessoas como Sader se manifestem.

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fontes: http://babybrainmemoirs.com /www.movimentodown.org.br

Fotos: Reprodução Facebook


“Meu pai, que tem síndrome de Down, me inspirou a ser a melhor pessoa possível”


Post navegação


5 pensamentos ““Meu pai, que tem síndrome de Down, me inspirou a ser a melhor pessoa possível”

  1. Olá boa noite.sou mãe de uma menina que também tem síndrome de down, tenho muito orgulho na minha filha te 21 anos.E somos de Portugal li a sua história adorei é muito orgulho ter uma família assim feliz muita saúde para todos vós e muita sorte 😘😘

  2. Olá!Linda História,que Deus abençoe sua família ,moro no Brasil pai de Isadora,nasceu com síndrome de Down,teve câncer varias complicações na saúde;hoje tem cinco anos e vive uma vida normal nos a amamos presente de Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *