Deficiência

Menino com paralisia cerebral se fantasia de velhinho de UP para representar a inclusão

Menino com com paralisia cerebral se fantasia do velhinho de UP para representar a inclusão

O menino Brantley Morse, de 2 anos, de Canton, Ohio, este ano se fantasiou para o Halloween com um objetivo.

Brantley tem várias deficiências, incluindo paralisia cerebral, e recentemente ele se fantasiou para um festival local, vestido como Carl, do desenho Up –  Altas aventuras.

De acordo com sua mãe, Brittany, a família escolheu essa fantasia para que o menino pudesse usar seu andador como parte dela, sem que tivessem que escondê-la.

Nada nos impedirá de representar a inclusão“, Brittany diz ao CafeMom sobre sua decisão por trás da fantasia.

Brittany contou ao jornal também  que, apesar da jovem vida de seu filho, sua jornada médica até agora tem sido cheia de obstáculos.

Ele passou nove meses na UTI depois de nascer com 24 semanas“, diz ela. “Ele passou por 10 cirurgias até agora em seus 2,5 anos de vida“.

Segundo a mãe, além da paralisia cerebral, Brantley desenvolveu problemas sérios que afetam sua qualidade de vida, incluindo doença renal em estágio 3, gastroparesia e doença pulmonar crônica,

Felizmente, o pequeno conseguiu superar a maioria destes problemas e agora pode curtir seu primeiro Halloween.

Embora Brantley lute com deficiências, ele tira o melhor de cada dia … incluindo o Halloween“, acrescenta ela. “Queríamos fazer algo que incorporasse o equipamento médico de Brantley, enquanto espalhasse esperança e inclusão”.

Tudo que mamãe realmente queria fazer era mostrar às pessoas que crianças com deficiência merecem ser vistas. E ela conseguiu seu objetivo.

Brittany  postou as fotos do filho no Facebook. Mas ela mal sabia o quão rápido eles decolariam. As fotos publicadas viralizaram nas redes sociais.

Confira a semelhança:

Reprodução

É honestamente difícil colocar em palavras. Tem sido surreal a quantidade de atenção que a história de Brantley está ganhando“,contou ao CafeMom.

Não posso contar quantas mensagens recebemos de completos estranhos que nos abrem sobre o quanto a história de nosso doce menino significava para eles”, continua ela.

Só porque você é um pouco diferente, não significa que você não pode participar!” a mãe dele explica.

“Somos abençoados por poder compartilhar a história deste pequeno lutador e ajudar os outros ao longo do caminho. Embora ele lute, ele sempre é capaz de colocar um sorriso no rosto e nos outros!! , finalizou a mãe.

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte: https://thestir.cafemom.com


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar