DeficiênciaInclusão Social

MEC oferece curso gratuito a professores para alfabetização de alunos com deficiência

MEC oferece curso gratuito a professores para alfabetização de alunos com deficiência

O Ministério da Educação (MEC) abriu vagas para capacitar 1.200 professores na alfabetização de estudantes com deficiências. O Curso de Aperfeiçoamento em Alfabetização para Estudantes com Deficiência é gratuito e tem como público-alvo professores de educação básica dos sistemas públicos de ensino de estados, municípios e do Distrito Federal.

O curso será a distância e terá carga horária de 180 horas. As aulas vão de maio até outubro. A iniciativa é fruto de parceria com a Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).

Os interessados deverão se inscrever no site do curso até 20 de março. Para participar é necessário passar por processo de seleção com análise documental que comprove a atuação na educação básica no sistema público de ensino. O resultado final de seleção de candidatos será publicado no site do curso no dia 30 de março. Acesse o edital para mais detalhes.

Infelizmente, TODAS as vagas foram preenchidas, já enviamos um e-mail ao MEC e aguardamos resposta sobre a possibilidade de novas turmas. Assim que tivermos a resposta avisaremos.

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte: Agência Brasil


Etiquetas

39 Comentários

  1. Sou professora da rede pública, porem no momento estou trabalhando com ensino médio e trigonometria em.fazer o curso, pois tenho alunos especiais, autistas e intelectuais, que precisam de professores acompanhantes, possuo licenciatura em.pedagogia.

  2. Sou professora formada e estou me licenciando agr em letras. Trabalho c crianças e ultimamente vem crescendo o índice de crianças c todos os tipos de especialidades. Então, quero estar preparada p recebe-los e ensina-los.

  3. Gostou muito de saber de cursos desse porte é o insencial para crianças com deficiência que tem umas que aprende com facilidade e outras com muitas dificuldade.

  4. Sou pedagoga especializada em educação infantil e alfabetização, gosto de conhecimento me manter sempre atualizada, este ano estou com o quarto ano do ensino fundamental no município de Barra do garças M T. E todo ano tenho bastante alunos especiais, tenho interesse no curso pois preciso estar sempre preparada para atende- los da melhor maneira possível. Espero ser selecionada pois esse curso será necessário para um atendimento de qualidade no desenvolvimento dos meus alunos especiais. ( meu Gmail, [email protected]) Grata!!

  5. Tentei fazer a inscrição que vai até o dia 20/03/2020 e não consegui porque já acabaram as vagas. Hoje é dia 14/02/2020. Nossa que decepção!
    Sou professora da rede estadual e Municipal do RJ e tenho um filho especial na fase de alfabetização e para mim seria fundamental esse curso, tanto para ajudar os meus alunos quanto para ajudar o meu filho, mas as vagas já acabaram.

  6. NÃO POSSO FAZER,
    SOU PROFESSORA DE MÚSICA DESDE 1981,DESEMPREGADA DESDE 2003.
    NÃO CONSEGUI ME INSERIR NA REDE PÚBLICA MESMO SENDO UMA EDUCADORA CAPAZ E ATUANTE.
    EM 2015 PERDI MINHA FILHA AUTÍSTA COM 16 ANOS, QUE FOI ENCONTRADA MORTA POR UM TIRO DE TAURUS 32. AÇÃO DE GRUPOS LOCAL CRIMINOSO QUE NÃO GOSTAM DE MIM POR SER CONTRA A ALICIAÇÃO DE MENORES PARA A PROSTITUIÇÃO.
    MAS SIGO ACOMPANHANDO E ME ATUALIZANDO
    MESMO SABENDO DA MANIPULAÇÃO E PERSEGUIÇÃO E MANIPULAÇÃO LOCAL QUE DESTRUIU MINHA CARREIRA EDUCATIVA E MINHA VIDA PROFISSIONAL, FAMILIAR E PESSOAL TENTO SOBREVIVER

    1. Creio que foi por ordem de inscrição. Quando anunciamos o curso em nosso portal ainda tinham vagas, simulamos a inscrição para confirmar. Acho que nós nem o MEC imaginaríamos que o sucesso seria tão grande. Já mandamos um email para eles perguntando se haverá novas turmas. Assim que tivermos a devolutiva avisamos no portal.

  7. Sou professora e mãe de autista, infelizmente não consegui inscrever-me, as vagas haviam se esgotado. Tenho um enorme interesse. Caso abra novas inscrições, onde poderei visualizar?

  8. Fico muito indignada com tantos cursos de formação só para professores que são formados, muitos lugares quem desenvolve, busca estratégias, e luta pela educação inclusiva de verdade são os professores de apoio que são contratados como estagiários, sendo alunos que estão cursando uma faculdade, e nunca podem realizar esses cursos, se quiserem aprender tem que pagar, pois não tem nenhum apoio, e a realidade dentro da escola não ensina os tais a trabalharem com essas crianças que merecem toda nossa atenção, o professor regente dificilmente irá ensinar toda a classe e dar atenção ao aluno incluso!!!Ai me vem a pergunta: quem que perde com isso?? A realidade está bem distante da razão. Acho importante sim esse tipo de apoio ao professor, desde que todos se preparem nessa area, pois se hoje nao tem um aluno incluso amanha pode ser outra realidade, porém para que a mudança aconteça é preciso todos os envolvidos em uma instituição de ensino ter tais oportunidades.

  9. Fico muito triste, pois divulgam uma coisa tão importante que interessa tanto e que pela data prevista deveria ter vagas,no entanto quando fui tentar fazer a inscrição diz que não há vagas e que já foram encerradas as inscrições. Então por que divulgam?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar