Quando uma família descobre que estão esperando um bebê é emocionante.

Mas para o casal Stuart e Kirsty Baxter, de Rochester em Kent, foi um momento de verdadeira ansiedade. Tudo porque, em 2013 eles perderam um  com 19 semanas de gravidez e estavam muito ansiosos com a chegada do novo bebê.

Felizmente, Kirsty completou toda a gravidez e deu à luz um bebê lindo chamado Riley.

Ele nasceu sem complicações. Contudo, após o nascimento de Riley seus pais foram informados que ele  tinha síndrome de Down. A maior preocupação dos pais do garoto era ele ser vítima de bullying, em razão de sua condição.

O pai do garoto Stuart temia que seu filho fosse tratado de maneira diferente.

“Depois que eles nos disseram que ele tinha síndrome de Down, eu chorei, não porque eu o queria menos, mas porque eu sabia o quão cruel o mundo pode ser”, disse o pai.

Essa foi a primeira coisa que passou pela minha cabeça, mas obviamente minhas percepções estavam erradas e como eu estava errado”, acrescentou.

Seu filho cresceu, e só trouxe alegria para seus pais orgulhosos e todos ao seu redor, ganhando o apelido de “Smiley Riley“.

“Nós o chamamos de ‘Smiley Riley’ desde pequeno, porque isso deixa as pessoas realmente felizes, e ver o sorriso dele faz as pessoas acordarem em um dia ruim”, disse Stuart.

A carreira

Ele é tão simpático e sorridente que chamou a atenção de agentes de modelo. Com isso, Riley com seus 4 anos foi contratado pela agência Zebedee Management, uma famosa agência inglesa, como modelo.

Ele já apareceu em anúncios para a grande marca britânica Mothercare e é um grande sucesso na escola com seus colegas que o tratam como uma estrela.

“Havia o medo do desconhecido e por que isso aconteceu conosco, mas se eu soubesse o que sei agora, não teria me incomodado”, disse o orgulhoso pai de Stuart.

Embora  Riley não seja tão forte quanto os de seus amigos da mesma idade, ele gosta de fazer tudo o que pode, mesmo indo a mais devagar.

Riley pode enfrentar desafios, como para se comunicar,  mas ele se adaptou rapidamente, graças a seus pais amorosos.

Por exemplo, eles ensinaram a linguagem de sinais para Riley, e ele se destacou nisso. Seu uso da linguagem de sinais tornou-se uma outra maneira de se conectar com outras crianças curiosas.

Riley gosta de tudo que ela faz e seu sorriso é contagiante. Ele é uma criança tão linda!

Todavia, no caso de Smiley Riley, tudo acabou bem, apesar das preocupações iniciais.

Talvez o mundo realmente possa avançar e se tornar um lugar melhor, mais receptivo e amoroso, afinal.

Deixe-nos saber o que achou porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte: https://www.diariomovil.info


Garoto com síndrome de Down, vence preconceito e surpreende como modelo


Post navegação


Um pensamento em “Garoto com síndrome de Down, vence preconceito e surpreende como modelo

  1. Q linda sua hiestória eu também tenho um filho com a sd e è alegria da nossas vidas , também tive essa preocupação pois esse mundo onde vivemos só tem maldade , mas o amor supera tudo meu filho tem apenas 1 ano mas Já nos ensinou muito, principalmente o que é amor de verdade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *