Autismo

Garoto autista faz economia de moedas para comprar cadeira de rodas para a avó

Garoto autista faz economia de moedas para comprar cadeira de rodas para a avó

Miguel Miguel Arcanjo Santos de Medeiros é um garoto, de 6 anos, autista que aprendeu desde cedo ser generoso.

O menino, estava juntando moedas para comprar um boneco de seu personagem preferido: o Homem Aranha. Todavia, após 10 meses de economia, abriu mão das suas economias para comprar uma cadeira de rodas para a “Vó Lindinha”.

A idosa mora em João Pessoa, capital da Paraíba, mas o neto e os pais se mudaram para Alagoa Grande, no interior paraibano, afim de ter uma rotina mais tranquila.

O cofrinho

A mãe do garoto, Éricka Rúvia Pereira dos Santos, de 33 anos, contou que sugeriu ao filho que juntasse dinheiro para que ele não consumisse doces, já que tem diabetes. O pai fez um cofrinho para ele para que ele pudesse guardar as moedas.

No dia da abertura do o cofre, o garoto surpreendeu a família inteira. Ele contou que as economias que fez seria para comprar uma cadeira de rodas para a avó materna, a pensionista Maria de Lourdes Pereira, de 72 anos.

Eu chorei demais. Se uma mãe já se orgulha de ter um filho, imagine um que tenha um coração desse. Não tenho palavras. Ele sempre foi assim, se tem um brinquedo não brinca sozinho, é tudo dele e dos amiguinhos”, contou Éricka.

Os presentes

Miguel e a avó dele foram presenteados com um boneco do Homem Aranha e com a cadeira de rodas. Tudo foi doado por pessoas que se comoveram com a história deles através das redes sociais.

O cofrinho não foi aberto, Miguel quer usá-lo para “comprar alimentos pra vozinha”. Ninguém sabe ainda o valor em dinheiro que o recipiente improvisado tem guardado. O que todo mundo sabe é que não há nada que pague a intenção do garoto.

Ele ensina todos os dias a fazer um mundo melhor e cheio de amor”, concluiu a avó.

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar