João Miguel Pereira Oliveira não tem nenhum mês de vida e já virou sensação em sua cidade. Ele é de Agudos, uma cidade com aproximadamente 34.000 habitantes no interior do estado de São Paulo.

João nasceu com mechas de cabelos brancos. Diante da curiosidade das pessoas a mãe dele Tamires Aparecida Pereira Ciprian, de 23 anos, conta que às vezes tem que esconder o cabelinho dele quando sai à rua.

Tendo em vista a curiosidade das pessoas elas não se esquivam em pedir uma selfie com o bebê.

Segundo a mãe, ela entende a curiosidade das pessoas visto que, nunca houve um caso desses na cidade. Ela conta que todos querem tirar foto devido à curiosidade.

Tamires conta que teve uma gravidez tranquila sem nenhuma intercorrência. Todavia, quando João nasceu o médico assustou-se achando que era alguma problema, Ele achou que talvez o bebê tivesse nascido sem parte da cabeça. Mas depois do banho, foi constatado apenas que o bebê havia nascido com uma mecha branca.

O médico informou a família que essa alteração genética é bem rara. A condição é denominada de piebaldismo, mais conhecida como albinismo parcial.

As mechas brancas são desde o nascimento e não mudam com o tempo. A síndrome apesar de rara não traz nenhum comprometimento a saúde do bebê.

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

 

Fonte: Exclusivo 24h


Em Agudos, bebê vira sensação ao nascer com mecha branca

Post navegação


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *