Acompanhamos muitas histórias pelo Brasil e pelo mundo.

A historia da Eliana achamos muito interessante compartilhar com nosso público. Para tanto traduzimos o texto dela e compartilhamos com vocês.  Eliana tem dois filhos com síndrome de Down.

***

Nossas vidas têm inúmeros momentos especiais que certamente não têm nada a ver com a circunstância incomum que vivemos como uma família com dois filhos com síndrome de Down.

Como mãe de Emir e Ayelén, sinto-me honrada e abençoada em meu trabalho como mãe, mas também orgulhosa e motivada em meu papel como líder profissional e comunitária. Nós três juntos criamos uma comunidade que nos faz sentir valiosos. Através desta vida mundana em que nossas almas e corações estão conectados em amor e harmonia, aprendemos os três juntos para viver e sonhar, e certamente ainda nos falta muito e nunca terminaremos de crescer.

A criação típica de uma vida que muitos rotulam como especial é o que nos trouxe felicidade. E eu compartilho isso porque eu recebo constantemente perguntas de outros pais que querem saber com quais métodos, terapias ou até mesmo suplementos especiais é que Emir e Ayelén conseguiram ser quem são. A resposta é simples, nenhuma. Ambos cresceram em vidas totalmente típicas. Eles não seguem métodos especiais, nem terapias especiais, nem consomem suplementos especiais.

Eles recebem educação individualizada, que na minha opinião é a base de aprendizagem para qualquer criança. Eles são criados com regras, consequências e expectativas, que é o que molda o caráter e a personalidade de todos nós. Eles não tomam suplementos ou vitaminas milagrosas, mas eles têm uma dieta equilibrada que é orgânica e natural, tanto quanto possível.

Todos nós três passamos por fases difíceis em diferentes áreas de nossas vidas. Nós três aprendemos a apoiar um ao outro, amar uns aos outros e identificar o melhor para cada um de nós. Como mãe, cometi muitos erros antes de chegar às respostas, e eles, quando crianças, cresceram com o direito de se comprometer, e continuam a crescer, a descobrir e a fortalecer a cada dia.

Vivemos uma vida totalmente típica em que a palavra especial é reservada para os milagres que criamos como resultado de nosso esforço e dedicação. Os momentos especiais não vêm com a palavra que define o diagnóstico, mas com as conquistas que quebram os limites para nos mostrar que a fé e o amor são o verdadeiro craque na manga.

Em suma, esta vida é especial porque nos sentimos abençoados como uma família, não porque há uma condição pré-estabelecida que define nossas vidas. Acredito que quanto mais típica é a vida, mais especial ela se torna, porque é só então que, quando deixamos de procurar coisas especiais, encontramos milhares de respostas no dom do ilimitado.

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte: http://www.elianatardio.com/2017/04/18/crianza-tipica-vida-especial/?fbclid=IwAR3qwbSTOBokAFQs6X_HnGHyUdEQ09di2MpZz9LsK0ZI8fNZ80th6FOpIbA

Foto: @elianatardio reprodução


Criação típica em uma vida que muitos rotulam como especial


Post navegação


2 pensamentos “Criação típica em uma vida que muitos rotulam como especial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *