Geral

Após diagnóstico de COVID-19 paciente com síndrome de Down e autismo tem alta da UTI no ES

Jeferson Silva Barbosa é  um homem com síndrome de Down e autismo que foi diagnosticado com COVID -19 e teve alta da UTI.

Após o diagnóstico ele enfrentou dias de UTI do Hospital da Associação dos Funcionários Públicos do Espírito Santo, no Centro de Vitória no Espírito Santo,  teve alta no último dia 20.

A recuperação de Jeferson foi considerada pelos médicos um milagre, tendo em vista que seu caso agravou e hou a necessidade de entubação.

De acordo com o hospistal Jeferson deu entrada no dia 24 de junho com um quadro de grande desconforto respiratório. Ele foi imediatamente encaminhado para a UTI, mas os médicos procuraram evitar a entubação imediata.

Segundo a  equipe do hospital, ter um paciente com necessidades especiais em ventilação mecânica , ou seja, um suporte de oxigênio que uma máquina fornece ao paciente que não consegue respirar sozinho, seria algo preocupante.

Jeferson foi diagnosticado com Covid-19 e passou por vários procedimentos. Foi solicitado que um parente próximo a Jeferson acompanhasse o processo, para que ele se sentisse confortável. Sua irmã, Marta, que é responsável pelos seus cuidados Jeferson, esteve ao lado dele durante a remoção dos tubos.

No último dia 20, Jeferson recebeu alta da UTI, com direito a balões, placas com frases de incentivo e muito carinho por parte da equipe médica que cuidou de sua saúde enquanto esteve internado lá. Agora ele segue recebendo tratamento na enfermaria do hospital.

Pesquisa 

A Federação Brasileira das Associações de Síndrome de Down (FBASD) está fazendo parte de novo projeto de pesquisa lançado pela T21 Research Society (T21 RS), e com o apoio de muitas organizações internacionais de síndrome de Down, está coletando informações importantes para entender os riscos e a evolução da COVID-19 entre as pessoas com síndrome de Down.

O objetivo é descobrir se as pessoas com síndrome de Down são mais vulneráveis ​​ou têm um curso diferente da COVID-19 e se a doença e sua gravidade estão relacionadas às condições de saúde pré-existentes. Esperamos que essas informações ajudem a identificar quem está em maior risco e consequentemente, em como protegê-los melhor.

A FBASD criou um e-mail exclusivo para que os familiares / cuidadores, ou os médicos possam acessar o link com o questionário, caso tenham conhecimento de familiar ou paciente com síndrome de Down e COVID-19.

Se você é familiar ou cuidador de pessoa com síndrome de Down de qualquer sexo ou idade, ou ainda se é o médico que cuida ou cuidou desta pessoa, está convidado a participar deste estudo, preenchendo o questionário da pesquisa. A pessoa com síndrome de Down para quem você presta/prestou cuidados precisa apresentar ou ter apresentado sintomas da COVID-19 ou ter testado positivo para COVID-19 (exame positivo para o SARS-CoV-2). Existe um questionário para o familiar/cuidador e outro destinado aos médicos.

O e-mail de contato é o seguinte: [email protected]

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte:https://www.agazeta.com.br


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar