Foi lançada no último dia 27, em Londres e Nova Iorque a série do Globoplay “Aruanas”. No Brasil, a série será lançada juntamente com outros países no próximo dia 2 de julho. A série é  estrelada por Débora Falabella, Leandra Leal e Taís Araújo. O projeto, além de contar com a volta de Camila Pitanga aos estúdios, após “Velho Chico” (2016), marcada pelo óbito de Domingos Montagner, contará com com a presença de Manuela Trigo, atriz com paralisia cerebral, trará referências a políticos; dentre eles, o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

A história

Em “Aruanas”, a advogada Verônica (Taís Araújo), a ativista Luiza (Leandra Leal), a jornalista Natalie (Débora Falabella) e a estagiária Clara (Thainá Duarte) se dedicam à ONG Aruana, que investiga crimes ambientais na Amazônia. A mineradora KM, de propriedade de Miguel (Luiz Carlos Vasconcellos) está no centro de uma destas investigações: Miguel pretende ampliar a “rede” de garimpos ilegais que patrocina, extinguindo, legalmente, a reserva Eldorado.

Para auxiliá-lo, ele contrata a lobista Olga, personagem de Camila Pitanga. Uma mulher calculista, fria e muito bem-relacionada que, com seu perfil independente e livre, acaba por seduzir o aliado. Miguel também se dedica aos cuidados com a neta Gabi, interpretada por Manuela Trigo. A escalação da atriz objetiva a promoção da inclusão de profissionais com com paralisia cerebral em seu quadro.

Esperamos que a participação da Manu seja um sucesso, e que abra caminhos para a inclusão de mais crianças e jovens com necessidades especiais em novelas e séries.

Essa é primeira vez na teledramaturgia brasileira que haverá uma criança com paralisia cerebral no elenco.

Confira o vídeo da Manu Trigo apresentando a série:

 

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.


Série do Globoplay terá pela primeira vez criança com paralisia cerebral no elenco


Post navegação


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *