Síndrome de Down

Primeira cerimônia de casamento de jovens com síndrome de Down é celebrada em BH

Primeira cerimônia de casamento de jovens com síndrome de Down é celebrada hoje em BH


Será realizada, hoje, cerimônia inédita de casamento na Basílica do Santo Cura D’ars, em Belo Horizonte, no estado de Minas Gerais. Inédita porque será celebrada a união de dois jovens com síndrome de Down.

O elance de Rodrigo e Vanessa acontecerá após 4 anos de noivado e 17 anos de relacionamento.

Vanessa Salgado Ribeiro Melo está ansiosa para casar-se com o amor de sua vida. O amor da vida dela é  Rodrigo Gomes Morais, de 28. Eles se conhecem desde pequenos. Segundo Rodrigo ele apaixonou-se por ela na escola. “Era a menina mais linda”, recorda.

No entanto, nada podia acontecer entre os dois. “A mãe dela disse que não podia namorar, que tinha que crescer primeiro”, relembra o rapaz. Então, quando adulto, ele foi cobrar a promessa de Valéria Melo, a futura sogra.

O reencontro

O casal se conheceu, na Escola Estadual Sandra Risoleta de Lima Hauck. E após 10 anos sem se ver veio o reencontro. Os jovens escolheram como cenário a praça de alimentação de um shopping da capital. Primeiro, conversaram sobre afeto. Depois, receberam o carinho e o apoio das famílias. “Mudei minha filha de escola e eles estavam cinco anos sem se ver. Vanessa sentia saudades e falava muito no Rodrigo”, lembra Valéria.

Com a convivência, ambos descobriram afinidades. “Com o namoro, passaram a ter uma vida social juntos e a visitar a casa um do outro”, explica Herculina Gomes Santos, mãe de Rodrigo.

Noivado

Todavia, foi em 2014, quando Rodrigo pediu a namorada em casamento de joelhos com uma flor nas mãos. Ela aceitou na hora. Desde então, a família vem trabalhando a independência do casal e orientando sobre as responsabilidades.

Ele pega a condução sozinho, vai ao médico, ao mercado e ao trabalho”, conta Herculina. Há seis meses, o noivo é recepcionista e analista administrativo em uma construtora.

Vanessa ajuda a mãe na faxina e está aprendendo a cozinhar. Casados, irão morar na casa de Valéria para se adaptarem à rotina. A expectativa é a de que em dois anos Rodrigo e Vanessa tenham um lugar só para eles. “Mas o nosso amparo sempre vão ter”, garante a mãe da noiva.

O casal participou de cada detalhe da preparação da cerimônia.

Cerca de 300 convidados irão celebrar a união. A lua de mel será durante uma viagem em família, na virada do ano e a noite de núpcias será após a recepção em um hotel na cidade.

Por fim, desejamos ao casal muitas felicidades!!!

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte: Grupo FB Crianças Especiais e Hoje em dia



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar