Vikie Shanks, ex-modelo, escritora, moradora de Warwickshire, na Inglaterra, de 61 anos é mãe de sete filhos com necessidades especiais. Dos quais seis são autistas e um é disléxico, sendo que as mais novas, além do autismo tem paralisia cerebral. Sua vida tornou-se ainda mais desafiadora, após o falecimento do marido.

Sua família é composta de sete filhos, nove gatos e dois cachorros. Todos sob o mesmo teto. Segundo Vikie sua vida é um caos. Mas ela não mudaria nada. Seus filhos são: os gêmeos Lorie e Mirie, 21, Nikita, 19, são autistas, enquanto minha filha mais velha, Jamie, 25, também está dentro do espectro. As caçulas Osborn, 18 e Pippa, 15 além do autismo, tem paralisia cerebral e Kacie, de 22 anos, é severamente disléxica.

O falecimento do marido

O pai das crianças Paul, sofria de depressão e se suicidou em 2007. Contudo, além disso, deixou para Vikie uma dívidas de 1 milhão de libras quando morreu.

Em seu blog, Vikie contou que os filhos eram ainda pequenos quando perderam o pai e, na época, não ficaram sabendo dos detalhes que levaram a sua morte.

Uma apólice de seguro pagou algumas das dívidas de £ 1 milhão que Paul acumulou. Porém, ela teve que começar a trabalhar em tempo integral para cobrir a hipoteca e as contas da casa.

Sua rotina era insana. Ela trabalhava organizando eventos corporativos até às 3h da manhã. Chegava em casa Às 4h. Dormia até às 6h30, quando acordava para preparar tudo, para levar os filhos em quatro escolas diferentes. Foi exaustivo e oito meses depois ela teve um colapso.

O blog

Como forma de lidar com tudo, ela começou a escrever um blog, palestrar e engajar famílias com pessoas diagnosticadas com as mesmas condições que seus filhos. Seu objetivo principal é inspirar essas famílias a continuarem firmes na criação dos filhos, frisando que a condição neurológica não é o que os define.

Segundo Vikie, em entrevista a “ITV News Central” uma pessoa com autismo deve viver em um mundo que foi preparado para pessoas como elas, então não deveria ser uma surpresa que, estatisticamente, eles são mais propensos a experimentar problemas de saúde mental coexistentes”.

Sua fala faz referência a um estudo da Universidade de Coventry, no Reino Unido, que descobriu que dois terços dos adultos recém-diagnosticados com o TEA atentaram contra a própria vida. Mas para Vikie, esse dado não foi uma surpresa. Ela acredita que seu marido, Paul, que cometeu suicídio há anos atrás, também tinha o espectro, além de diversos distúrbios mentais.

Vikie salientou que sempre a perguntam como ela conseguiu criar seus filhos sozinha após ficar viúva. Quando ela é questionada sobre isso, ela diz que “dormiu muito pouco” e que precisou de muita energia.

Entretanto, a escritora contou que aprendeu a desenvolver uma estratégia de não pensar muito no futuro, porque seria “assustador demais”.

“Sem família para contar e com apenas alguns poucos amigos próximos, todos os dias era um pesadelo logístico. E agora aqui estamos, com três dos mais novos escolas especiais e os outros indo para regulares”, afirmou Vikie.

“Tudo o que é necessário para conseguir isso é uma melhor compreensão, consciência e tolerância de suas diferenças”, contou.

O livro

Sua história foi publicada no livro “Unravelled: The inspirational true story of a journey out of darkness” (Tradução: A verdadeira história inspiradora de uma jornada para além da escuridão, em tradução livre). Como também, já foi abordada em palestra no TEDx, com o tema: “Porque meus filhos autistas não precisam de uma ‘cura'”.

“Se o seu filho tem o espectro autista, por favor, converse sobre isso com ele. Ajude-o a entender que o autismo dele não o define”, completou Vikie.

O autismo nunca foi um fator incapacitante para meus filhos. E sua motivação e auto-expressão os possibilitaram além de todas as expectativas. Olhando para o futuro, se eu puder mudar radicalmente a opinião pública e tornar a vida um pouco melhor para todos os outros afetados pelo autismo, serei uma mulher extremamente feliz ”.

O documentário

Todavia, a história de Vikie e seus sete filhos virou filme e está no catálogo da Netflix. O filme se chama “Nosso Reino” (Kingdom of Us).

Clique aqui para ver o Trailler

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte e imagem: https://www.vikieshanks.com/

 


Escritora viúva com sete filhos com necessidades especiais inspira famílias

Post navegação


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *