Bilionário filho de imigrantes russos doará parte de sua fortuna para a caridade

Há poucos dias, Bernie Marcus,  um bilionário de 90 anos anunciou que vai doar 80% de sua fortuna para pesquisas médicas sobre autismo, hospitais, causas judaicas e para cuidar da saúde mental de veteranos de guerra.

Seu patrimônio é avaliado em cerca de 4,5 bilhões de dólares, aproximadamente R$ 17 bilhões de reais.

Depois de ter doado quase dois bilhões de dólares para organizações filantrópicas em todo o mundo, o atual co-fundador da The Home Depot pretende doar a maior parte de sua fortuna para a Fundação Marcus, criada por ele e a esposa Bill Marcus.

Bernie deu instruções ao conselho para investir em “descobertas médicas e tratamento para crianças com autismo e criar de 20 a 25 centros em todo o país para ajudar os veteranos que sofrem de lesões cerebrais e estresse pós-traumático”.

Ele e a esposa são signatários do The Giving Pledge, juntamente com outros 200 bilionários, como Michael Bloomberg, Richard Branson e Elon Musk , um grupo de Bill Gates e Warren Buffet projetado para recrutar famílias ricas para se comprometerem pelo menos metade de suas fortunas para caridade.

Embora tenha 90 anos hoje, Bernie disse recentemente ao Atlanta Journal Constitution que se sente jovem. Ele  espera doar a maior parte de seu dinheiro enquanto estiver vivo para aproveitá-lo.

Tudo o que eu vivo agora é para encontrar as coisas certas para colocar meu dinheiro. Isso pode me dar uma taxa de retorno em emoção e fazer coisas boas para este mundo”, diz ele.

História

Bernard Marcus nasceu filho de pais judeus, imigrantes russos, em Newark, Nova Jersey , nos Estados Unidos. Ele foi criado em um cortiço.  Seu sonho era tornar-se médico, mas não podia pagar as mensalidades. Com isso,  ele trabalhou para seu pai como marceneiro. Ele estudou farmácia na Universidade Rutgers onde graduo-se.

Filantropia

Com o passar dos anos tornou-se  CEO de uma empresa de beneficiamento de residências na Califórnia.

Contudo, ao ser  demitido do trabalho, ele voltou a ser farmacêutico e co-fundou uma loja que revolucionou a indústria de melhoramento da casa com conceito de armazém.

Marcus doou US $ 25 milhões para o Centro de Autismo Marcus para liderar pesquisas sobre as causas e a cura do autismo e problemas de alimentação conhecidos por afetar pacientes pediátricos com o distúrbio.

Todavia, Marcus também financiou e fundou o Instituto Marcus for Brain Health com uma doação de US $ 38 milhões.

A instalação do Colorado é dedicada ao tratamento intensivo e inovador de veteranos militares dos EUA. A instituição cuida desses veteranos que sofrem de estresse pós-traumático.

Fonte: http://www.sonoticiaboa.com.br


Bilionário doa parte de sua fortuna para pesquisas médicas sobre autismo


Post navegação


Um pensamento em “Bilionário doa parte de sua fortuna para pesquisas médicas sobre autismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *