Crianças EspeciaisDoenças Raras

Mãe pede cartões de aniversário para seu filho com doença rara que confessou a ela que cansou de viver

Mãe pede cartões de aniversário para seu filho com doença rara que confessou a ela que cansou de viver


Uma mãe está com o coração partido. Seu filho que tem uma doença rara confessou a ela que não desejava mais viver, que ele cansou de sentir dor e que quer desistir, não quer lutar mais.

O que uma mãe faz quando ouve isso?”, desabafou Tanya Willins, de 36 anos em entrevista ao jornal britânico The Sun.

Para tentar amenizar a situação, Thanya está pedindo para que as pessoas mandem cartões para seu filho, que está perdendo a esperança de sofrer de uma rara condição de pele que limita a vida e agoniza desde que nasceu.

Segundo seus pais, Thanya e Mark, de 48 anos, a expectativa médica seria que ele não chegaria nem à adolescência. Todavia, Rhys superou as expectativas médicas e já tem 13 anos.

Doença rara

Rhys sofre com uma doença rara desde o seu nascimento. Ele tem epidermólise bolhosa, uma condição rara que causa o aparecimento de diversas bolhas na pele.

Agora, ele depende de uma cadeira de rodas, pois não consegue endireitar as pernas devido à fusão da pele na parte de trás dos joelhos.

Seu corpo frágil está coberto de ataduras, que precisam ser trocadas três vezes ao dia para impedir que ele desenvolva infecções mortais.

Tanya disse: “Sua condição faz com que sua pele caia ou empole ao menor toque. Seus dedos estão palmados e suas mãos se fundiram”.

A dor de Rhys é tão intensa que ele precisou tomar morfina para tentar controlá-la, enquanto sua família é incapaz de abraçá-lo.

Ele é incapaz de brincar ao ar livre com os amigos, sair de férias, participar de festas de aniversário e até fazer compras em público com sua família.

Ele também precisa ser alimentado através de um tubo, pois a ingestão de alimentos sólidos pode causar bolhas no esófago.

Gravidade do caso

O caso de Rhys é tão grave que ele confessou a sua mãe que não tem mais vontade de viver. “Ele me disse que queria que uma borboleta viesse e o tirasse daqui. Ele me disse que cansou de viver, cansou de sentir dor e que quer desistir, não quer lutar mais. O que uma mãe faz quando ouve isso?”, desabafou Tanya.

Posted by Rhys Williams on Saturday, December 29, 2018

Cartões

Com o intuito de amenizar essa dor ela então decidiu pedir para as pessoas enviarem cartões de aniversário para seu filho, que completa 14 anos no dia 21 de setembro.

Nós fizemos isso em um natal que ele também estava triste e ele ficou tão feliz com os cartões. Cada cartão mostrava para ele que a vida valia a pena e que valia a pena continuar lutando. Eu espero que os cartões que ele receber no aniversário façam ele ver que nem tudo é ruim, que existem coisas muito boas para as quais vale a pena viver”, contou Thanya.

A família vive na Inglaterra e os cartões podem ser mandados para o seguinte endereço:

40 Whalley Avenue, Bolton, BL1 5UD, Inglaterra.

 

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte:https://www.dailymail.co.uk

Veja mais:

Após falecer, aos 17 anos, “Garoto borboleta” nos deixa lição de vida



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar