Síndrome de Down

Garota de 5 anos com síndrome de Down ganha sua primeira festa de aniversário

Garota de 5 anos com síndrome de Down ganha sua primeira festa de aniversário

Uma garota de Aparecida de Goiânia em Goiás, de  5 anos sempre sonhou em ter uma festa de aniversário.

Quando Alice Barros Fagundes nasceu, ainda no hospital, os pais foram surpreendidos com a notícia que ela tinha síndrome de Down e também uma cardiopatia.

O milagre

Contudo, segundo com mãe da menina Katerine Angélica da Silva Barros, 28 anos, foram mais de 100 dias na UTI e algumas cirurgias. “Ninguém espera que vai ter um filho especial. Quando ficamos sabendo, foi um choque, mas depois veio a alegria da superação”.

Com apenas 1,8 kg, a Alice venceu os dias na UTI e as cirurgias no coração”, explica a mãe. De acordo com Katerine, antes da Alice nascer, ela só ouvia falar de milagre e hoje ela mora com um.

A Alice é o nosso grande milagre diário. Ela preenche todos os cômodos da casa com a sua alegria e autenticidade“, contou. A mãe pondera que nem tudo são flores: “As pessoas olham torto pra gente porque não entendem que ela vai ao extremo da alegria e da tristeza muito rapidamente. Fala alto, grita, chora, também quer abraçar todo mundo e fazer carinho. É uma montanha-russa“.

Na casa, apenas o pai da Alice, o pintor Valdeon Fagundes, 35 anos, está trabalhando. Katerine Angélica se dedica a cuidar das filhas. Além de Alice, o casal tem uma filha de sete anos, Amanda Fagundes. Com isso, a festa não era possível dentro do orçamento do casal.

A festa

Porém, um grupo de voluntários da cidade se uniu e presenteou Alice, com a tão sonhada festa.

Todavia, os voluntários fazem parte do grupo Hospitalegres. Há cinco anos eles levam amor e solidariedade a hospitais e também ajudam a realizar sonhos impossíveis.

Aos seis anos Alice teve seu sonho realizado: sua primeira festinha de aniversário. E ela comemorou com a família com muita alegria.

O tema escolhido para a festa foi os Minions.

Reprodução

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte: G1/GO


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar